Ciranda da Arte promove o espetáculo Amor e Caos, a Era do Rádio

e-flyer redes sociais - Amor e Caos 2017

Amor e Caos, a Era do Rádio é o espetáculo apresentado pelo grupo Os Menestréis, vinculado ao Centro de Estudo e Pesquisa Ciranda da Arte/Seduce. O evento ocorrerá na sexta-feira (04/08), às 20h no Teatro Sesc Centro.

Formado por professores de música da rede estadual de ensino, o grupo atua de forma específica na área de Música e se utiliza também da poesia e cena nas apresentações.  Com direção geral de Luz Marina de Alcantara, coordenação de Roberta Borges, os Menestréis é composto por três cantores (soprano, contralto e tenor) e   quatro instrumentistas (violão, piano, clarineta e percussão).

SOBRE O ESPETÁCULO

Amor e caos, A Era do Rádio, conta por meio de uma rádio novela os dilemas de um relacionamento amoroso específicos das décadas de 30 a 50, de forma saudosa e cômica. Para isso, o grupo realizou uma pesquisa sobre as músicas, principais compositores e intérpretes da era do rádio. Foram escolhidas canções que valorizam essa temática, mostrando a inconstância dos sentimentos humanos e as etapas do relacionamento amoroso tais como: encontro, encantamento, desilusão, incerteza, desentendimento, ressentimento, separação, arrependimento, saudade e reconciliação.

SERVIÇO

Data: 04/08 (sexta-feira)

Horário: 20h

Local: Teatro SESC Centro, Rua 15 c/ Rua 19 Setor Central, Goiânia.

Ingressos: 7,00 comerciários/ 20,00 inteira/ 10,00 meia entrada/ 8,00 conveniados.

 

Mais informações: (62) 3261-6619

Imprensa/Ciranda da Arte: jornalismociranda@gmail.com

 

Repertório:

1- Rosa– Pixinguinha (Instrumental)

2-A noite do meu bem-  Dolores Duran

 3-Hino ao amor – Edith Piaf  (Solo:  Roberta Borges) 

4-O canto da Ema –Ayres Viana / Alventino Cavalcante / João do Vale

5-Estrela do mar – Marino Pinto; Paulo Soledade (Solo: Sheila de Paiva)

6-Prece ao vento – Alcyr, Fernando Luiz e Gilvan Chaves (Arranjo: Angelo Dias. Adaptação para trio: Roberta Borges).

7- Tico Tico no fubá Zequinha  Abreu (Instrumental)

8-POT POURRI

Fim de caso – Dolores Duran

Devolvi-  Adelino Moreira

Mentindo- Eduardo Patané e Lourival Faissal

Palhaço-  Herivelto Martins e David Nasser

Vingança- Lupicínio Rodrigues

Nervos de aço- Lupicínio Rodrigues

 

9-Judiaria- Lupicínio Rodrigues

10- Vai, vai mesmo- Ataulfo Alves

11-Tortura de amor- Osmath Duck  (Solo:  José Ricardo Eterno)

12-Manhã de Carnaval- Antônio Maria / Luiz Bonfá

13-Qui nem jiló- Humberto Teixeira

 

Ficha Técnica:

Sheila de Paiva: Soprano.

Roberta Borges: Contralto.

José Ricardo Eterno: Tenor.

Sergio de Paiva: Piano

José de Geus: Clarineta e Flauta doce.

Valdemar Alves: Violão.

Diego Amaral: Percussão.

Direção musical e coordenação: Roberta Borges.

 

Iluminação, concepção cênica, roteiro e narração: Edimar Pereira

Cenário: Tolentino

Figurino: Joana Borges e Karla Borges.

Gravação do roteiro: Valdemar Alves

Vinheta: Sergio de Paiva

Arranjos (vocais e instrumentais) e transcrições: Roberta Borges dos Santos.

 

Governo do Estado de Goiás

Marconi Perillo

Secretaria de Estado de Educação,Cultura e Esporte

Raquel Figueiredo Alessandri Teixeira

Superintendência Executiva de Educação

Marcos das Neves

Superintendência do Ensino Fundamental

Márcia Rocha de Souza Antunes

Centro de Estudo e Pesquisa Ciranda da Arte

Luz Marina de Alcantara

Os Menestréis

Roberta Borges

 

Ciranda da Arte e Banda Sinfônica do Estado de Goiás

Direção Geral

Luz Marina de Alcantara

Secretaria Geral

Marlene Solange de Melo e Moura

Coordenação dos Grupos de Produção

Walquíria Freitas

Direção Artística

Roberta Borges

Montadores

Arthur Amaral, Fidel Lacerda, Juliano Goulart e Luiz Henrique

Produção

Cristiane Santos, Mara Veloso, Margaret Melo

Arte Gráfica

Rawmison Lima

Assessoria de Comunicação

Evangicléia Sousa

Fotografia

Luiz Eduardo e Joana D’ark

Iluminação

Edimar Pereira

Sonorização

Almir Teixeira

Comentários estão fechados